Empresas que registraram altas e baixas na Bovespa em 23/02



A Bovespa conseguiu fechar na data de 23/02/2015 quase estável depois de enfrentar um dia de sobe e desce das ações.

Quais foram às empresas que mais se destacaram nesse dia?



A empresa que mais sofreu alta nas ações foi a fabricante de cigarros Souza Cruz com um valor de 7,74%, após a sua acionista controladora British American Tobacco decidir avaliar uma oferta de aquisição das ações que não possui da empresa pelo preço de R$ 26,75 por papel e com isso um prêmio sobre o fechamento na última sexta-feira.

Outras empresas que tiveram alta também foram aquelas voltadas diretamente ao ramo da educação, como, por exemplo, a Kroton e a Estácio que obtiveram uma valorização de exatamente mais de 5%.



Por que empresas de educação obtiveram tanta alta?

Uma das razões mais indicada é o fato que o Diário Oficial publicou na última segunda-feira a portaria normativa do Ministério da Educação decorrente às recompras mensais de créditos do FIES (Fundo de Financiamento Estudantil), ou seja, apesar de ter sido publicado no final do ano de 2014 ela foi aplicada somente agora em 2015.

A portaria elevou de 30 para 45 dias o intervalo mínimo para as empresas que apresentam mais de 20 mil alunos usando empréstimos do FIES possam vender seus créditos do programa, sendo que o calendário de pagamento não é mais em 12 vezes e agora são 8 vezes ao ano.

Agora quais são as empresas que obtiveram queda nas suas ações?

Uma dessas empresas é a Vale do Rio Doce que enfrentou uma desvalorização de mais de 4% e também a Petrobras que ficou desvalorizada em 2%, principalmente depois que o ministro da Fazenda, Joaquim Levy, fez uma declaração durante um evento em São Paulo onde afirmou que existe uma capacidade de realizar uma reengenharia da economia sem nenhum tipo de dificuldade.

Leia também:  Venda no Dia dos Namorados cresce 11% em 2010, diz Serasa

A Ibovespa ainda subiu 0,08% conseguindo 51.280 pontos e o volume financeiro alcançou cerca de R$ 5,17 bilhões, abaixo da média do mês de R$ 7,2 bilhões, além do dólar chegar à marca de R$ 2,90.

Por Fernanda de Godoi

Bovespa

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *