Dólar sobe e mercado espera ansioso o anúncio de quem será o novo Ministro da Fazenda





E mais uma vez o dólar fechou em alta e todos aguardam quais serão os próximos passos do Governo. A alta do dólar afeta a todos, desde os investidores, importadores e exportadores, população em geral, comércio, indústria e o dólar continua subindo e teve uma alta de 0,2% nesta terça-feira (04/11), sendo vendido a R$ 2,5054. E na parte da tarde a moeda norte-americana apontava uma alta ainda maior, atingindo um aumento de 0,42% mas até o fim do dia, recuou um pouco.

E o mercado está muito instável principalmente por causa da indefinição do Governo que não anuncia qual será a sua equipe econômica, mas o Ministério que mais tem agitado o mercado é o da Fazenda, pois os investidores, principalmente, querem saber quem irá assumir a Fazenda, para saber se de fato o Governo pretende trazer mudanças para a política econômica do Brasil. Há vários nomes sendo cogitados para o cargo, mas Dilma Rousseff não deu nem sinal de qual será a sua escolha.




O mercado está na torcida de que o Ministro escolhido seja alguém mais "amigável" e que ao substituir Guido Mantega, traga mudanças na economia do país que favoreçam a todos. Entre os nomes mais cotados para o Ministério da Fazenda, estão: Henrique Meirelles, ex-presidente do Banco Central;
Luiz Carlos Trabuco, presidente do Bradesco; Nelson Barbosa, ex-secretário executivo do Ministério da Fazenda.

Mas o que está deixando o mercado tão agitado nos últimos dias é a indefinição de Dilma, reeleita nas últimas eleições. Se Dilma Rousseff anunciasse um nome ainda esta semana, certamente o mercado iria se acalmar e até a confiança dos investidores estrangeiros iria aumentar e certamente o dólar iria recuar um pouco, mas como não há nem sinal do nome do novo Ministro da Fazenda ser anunciado, até semana que vem o mercado continuará nervoso.


No início da manhã desta quinta-feira (06/11), o dólar começou em R$ 2,505 e pode até aumentar um pouco mais.

Por Russel

D?lar em alta

Foto: Divulgação



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *