Dicas de como investir no Tesouro Direto



A caderneta de poupança continua sendo o maior investimento escolhido pelas pessoas, outra forma de investimento é o chamado Tesouro Direto que significa compra e venda de títulos públicos federais pela internet. Esse investimento, apesar de não ser o mais escolhido, está crescendo e já soma 420 mil pessoas.

Aparentemente as pessoas não conhecem como funciona o Tesouro Direto e por isso não investem nele, segundo o diretor da Easynvest Corretora, Amerson Magalhães, o programa ganha novos investidores apenas quando eles adquirem conhecimento sobre o Tesouro Direto.



O rendimento da poupança este ano foi de 6,99% em 12 meses, o título público federal que é considerado o mais seguro de oscilações de mercado permaneceu com rentabilidade bruta de 10,42% no mesmo período, possuindo um ganho liquido de 8,60% ao ano.

Para uma pessoa querer investir no título federal basta apenas possui um valor mínimo de R$ 70 e ter cadastro em qualquer banco a sua escolha. Existem taxas de administração em alguns bancos que variam entre 0,40% e 0,50% ao ano. Outra taxa que todos cobram é a de custodia da BM&FBovespa, de 0,3% ao ano, sendo cobrada na venda do título, no pagamento dos juros, no vencimento do título, ou semestralmente nas datas de 1º de janeiro e 1º de julho do ano corrente e o investidor deve possuir ainda os papeis.



Passo-a-passo de como investir no Tesouro Direto:

1.     Após o cadastro e com sua senha provisória do banco ou da corretora, é realizada transferência de recursos para esta conta;

2.    O investidor deve acessar o site pelo link www.tesouro.fazenda.gov.br/tesouro-direto procurar o ícone chamado “Invista Agora” e acessar;

3.    Conectar com seu CPF e senha provisória (poderá ser efetuada a troca de senha caso o investidor desejar);

Leia também:  Confiança do Consumidor Brasileiro em Investimentos no país cresce em Agosto de 2010

4.    Verificar quais são os títulos públicos federais que estão disponíveis para compra. São identificados por tipo, data de vencimento, indexador e taxa de juros ao ano. Existem três tipos em cinco papéis diferentes, o de juros pós-fixados [LFT], os de juros pré-fixados, em que o investidor já conhece o quanto vai receber [LTN e NTN-F], e os de inflação [NTN-B e NTN-B Principal], que pagam juros reais mais a variação do Índice de Preços ao Consumidor Amplo [IPCA];

5.    Na página do Tesouro Direto resume-se em agendar a compra selecionando o item "agendar" ou comprar diretamente selecionado o item "comprar";

6.    Identificar o agente de custodia;

7.    Escolha da quantidade a ser comprada, sendo o mínimo 10% de um título;

8. Confirmação da compra do título, terá todas as informações e terá a opção de cancelamento ou adicionar títulos.

9. E por ultimo, caso queira vender o título basta acessar sua conta no site e procurar o item “vender”.

Por Igor Teixeira

Dicas de investimento

Foto: Divulgação

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *