Brasil e Argentina podem construir Novas Usinas Hidrelétricas



Brasil e Argentina serão os próximos países parceiros na divisão de um projeto a respeito de uma nova binacional estatal. Já com planos de estar dentro dos moldes da famosa Itaipu, o novo projeto promete abrigar duas novas hidrelétricas. Uma será Panambi (de 1.050 megawatts) e a outra a Garabi (de 1.150 megawatts). Tudo está se encaminhando para se desenvolver da melhor forma possível, sob a administração dos dois países.

Da mesma forma que ocorre em Itaipu, na parte brasileira a estatal binacional será vinculada à Eletrobras. O Ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, espera entrar em contato com o governo argentino para fazer os aperfeiçoamentos necessários e assim começar a agitar a planta da nova indústria. Tudo em prol da energia.



Como os nossos representantes são bastante rápidos, no dia 07 ou 08 de março será realizada, na cidade de Buenos Aires, uma licitação internacional justamente para se escolher os projetos-executivos que serão adotados nas obras.

O principal objetivo, tanto do Brasil quanto da Argentina, é tentar fazer um intercâmbio energético a fim de beneficiar e desenvolver ambos os países.



Por Jéssica Monteiro

Leia também:  Simulador de investimentos no mercado de ações está disponível nas redes sociais

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *