SPED Fiscal – Implantação do Sistema aumenta Custos das Empresas



A implantação do SPED (Sistema Público de Escrituração Fiscal) está exigindo das empresas mais investimentos em infraestrutura e mão de obra. Tudo isso para garantir que atenderá às demandas do Fisco dentro do prazo estabelecido. Isso envolve gastos com treinamento para preparar os funcionários e consequentemente aumento nos salários.

As empresas do segmento contábil, por exemplo, estão tendo de investir fortemente em sistemas de gestão empresarial. Somente com tecnologias de ponta elas conseguirão suportar o tráfego de informações em seus ambientes computacionais.



Já a empresa Prosoft Tecnologia, empresa de softwares, está renegociando diversos contratos com os clientes por conta disto. Uma pesquisa realizada pela Fiscosoft revelou que o mesmo sentimento tem passado as demais empresas.

Dos 1181 executivos ouvidos, 96,3% afirmou que o SPED trouxe mais custos com horas extras dos funcionários, implantação e serviços de consultoria.



Outro índice interessante da pesquisa revelou que 59,7% acreditam que mesmo quando for finalizada a transição e implantação de todas as etapas, ainda assim não será possível cumprir todas as obrigações que estão sendo exigidas.

Quem se adequar às mudanças, trazendo novas possibilidades aos clientes e se antecipando a todo o processo, certamente terá excelentes oportunidades de negócios.

 

Por Natali Alencar

Leia também:  Materiais de Construção - Abramat procura manter a Isenção do IPI

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *