Governo cria Novo Ministério para Micro e Pequenas Empresas



As micro e pequenas empresas brasileiras acabam de ganhar novo instrumento de suporte, oriundo do governo federal. Na segunda-feira (21), Dilma Rousseff, presidente do Brasil, confirmou a criação de um novo ministério exclusivo às companhias desses portes.

A notícia, então, foi bem recebida pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (Fecomercio), que prestou apoio à ex-ministra-chefe da Casa Civil em dar prioridade a investimentos voltados aos micro e pequenos empresários brasileiros.



Atualmente, enfatiza Roberto Feldmann, presidente do Conselho das Pequenas Empresas da federação, as micro e pequenas empresas significam cerca de 20% do Produto Interno Bruto (PIB) nacional, enquanto na Espanha e na Itália os índices sobem para 55% e 60%, respectivamente.

Os benefícios à própria sociedade são amplos. Com a alta competitividade de mão-de-obra nas médias e grandes empresas, as pessoas sem ocupação passam a ganhar novas possibilidades de chegar ao mercado de trabalho por intermédio das micro e pequenas empresas. Isto não significa, porém, que elas não exijam bons funcionários, mas as probabilidades e oportunidades tendem a aumentar.



Por Luiz Felipe T. Erdei

Leia também:  Por que a Tesla é a montadora mais valiosa do mundo?

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *