Prazo para reaver dinheiro do Plano Collor II



A eleição do ex-presidente Fernando Collor de Mello, em 1989, trouxe novas possibilidades ao Brasil após um longo período ditatorial, liderado, este, pelas forças militares, que tomaram o poder depois de Getúlio Vargas ter se suicidado como um herói, em 1964.

Durante o período em que Collor dirigiu o país, medidas polêmicas foram abarcadas, a principal concernente à economia, com confisco de dinheiro e congelamento dos preços de serviços e bens, além de salários.



Aqueles que perderam montantes da poupança, da noite para o dia, ainda podem recorrer, mas até o dia 31 de janeiro de 2011. Para tanto, é necessário reunir o maior número possível de documentos que atestem tais prejuízos.

Caso extratos não estejam em posse do titular da poupança de 1991, a alternativa é recorrer às instituições bancárias e solicitar esses documentos. A declaração do Imposto de Renda referente a esse ano (1991) é outra opção comprobatória.



Por Luiz Felipe T. Erdei

Fonte: Band Online

Leia também:  Kodak vende portfólio de patentes por US$525 milhões

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *