Materiais de Construção – Vendas em Outubro de 2010



Um dos setores que ainda conta com a exoneração do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI), os materiais de construção tiveram vendas menores no mês passado em comparação a setembro. Segundo a Associação Nacional dos Comerciantes de Material de Construção (Anamaco), a baixa foi de 7% entre um período e outro, com caixas d’água e telhas como as únicas a apresentar crescimento.

O grande destaque (negativo) relacionado pela associação foi o cimento, que obteve arrefecimento de 10% entre setembro e outubro. No acumulado anual, porém, a comercialização no varejo prosperou positivamente para 9% e nos últimos 12 meses finalizados no mês passado, de 10% sobre o período análogo de 2009.



Para 2010 de acordo com o portal R7, a Anamaco acredita no avanço de 11% na comercialização de itens de materiais de construção em comparação ao ano passado, ocasião na qual o segmento contabilizou recorde de faturamento de aproximados R$ 45 bilhões.

Embora a queda entre um mês e outro possa preocupar alguns, segundo Cláudio Conz, presidente da entidade, as vendas deverão se recuperar e novembro poderá se situar como um mês de recorde, dado o otimismo direcionado pelos comerciantes.



Por Luiz Felipe T. Erdei

Leia também:  Crescimento nas Intenções de Compra para o Final de Ano

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *