Dilma Rousseff – Medidas para auxiliar Pequenas Empresas



Engajada em manter suas promessas de campanha e alentar os mais desconfiados quanto à sua capacidade de administrar o país pelos próximos quatro anos, Dilma Rousseff, presidente eleita, afirmou que a edificação do Ministério do Microempreendedor poderá tirar aproximadamente 15 milhões de pequenas empresas da ilegitimidade.

Sua intenção é valorizar o setor por meio de várias ações, como é o caso de uma possível ampliação do Supersimples. De acordo com a Band Online, atualmente os sete milhões de pequenos empresários representam cerca de 25% do Produto Interno Bruto (PIB) do país, além de responderem por 60% dos postos de trabalho diretos.



Para Joseph Couri, presidente do Sindicato das Micro e Pequenas Indústrias do Estado de São Paulo (SIMPI), a quantidade de companhias que abandonará a condição tida como ilegal estará sujeita à carga tributária necessária. Marcos Hashimoto, coordenador do Centro de Empreendedorismo do Insper-IBMEC, avalia que a desburocratização para o intento tem de ser a prioridade do novo governo.

Por Luiz Felipe T. Erdei



Leia também:  Lojas Americanas vai pagar juros de R$11 milhões

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *