Brasil – Prevenções para evitar Desindustrialização



O cenário atual é de especulação sobre especulação. O mundo, dizem especialistas e economistas, vive numa guerra cambial, algo que tem levado Estados Unidos, Brasil e outras nações a recorrerem a medidas e discursos para conter maiores prejuízos e evitar que a economia global ingresse numa nova recessão.

Luciano Coutinho, presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), asseverou na semana passada que no contexto vivenciado o Brasil precisa aumentar sua atenção para impedir um movimento de desindustrialização. Durante conferência realizada na Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), pediu para o país não admitir esvaziamento de cadeias produtivas, bem como evitar consentir o atual ingresso de produtos importados.



No último caso acima citado, o presidente do BNDES realçou que aparecem, atualmente, indicativos de crescimento de importação proveniente duma possível concorrência desleal, principalmente em relação a componentes industriais. Para Coutinho em reportagem emitida pelo Estadão, isso obsecra iniciativas de defesa comercial comuns, sobretudo com ação proveniente do segmento privado.

Caso sejam constatadas concorrências desleais, Coutinho indica que as empresas brasileiras devem recorrer aos mecanismos de defesa antidumping abarcados pela Organização Mundial do Comércio (OMC).



Por Luiz Felipe T. Erdei

Leia também:  Índice de Confiança da Indústria diminui em Agosto de 2010

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *