CNI – Elevação na Perspectiva do PIB brasileiro



Convergindo à estimativa conjeturada pelo Fundo Monetário Internacional (FMI) há poucas horas, a Confederação Nacional da Indústria (CNI) elevou a perspectiva de aumento do Produto Interno Bruto (PIB) para 7,5% ante os 7,2% anteriormente examinados. Segundo o portal de notícias G1, o prognóstico é superior aos cálculos mensurados pelo governo federal, de 7,2%, e pelo Banco Central, de 7,3%.

A entidade sopesa que a economia tupiniquim continua ratificando grande alento, algo proveniente da demanda doméstica de consumo em alta e dos investimentos. De acordo com a CNI, o resultado poderia ser bem melhor se a forte valorização da moeda brasileira sobre o dólar, não viesse à tona.



Mesmo com esse estimado crescimento com base nos movimentos econômicos do inicio do ano até o atual momento, entre julho e setembro a atuação econômica do país foi a mais amena entre os países que integram o BRIC (Brasil, Rússia, Índia e China). Vasta reportagem veiculada pela Folha UOL relaciona que a tendência acontece pelo segundo trimestre seguido e corrobora com a ideia de que os dias mais prósperos de desenvolvimento do país parecem ter acabado.

Por Luiz Felipe T. Erdei



Leia também:  Economia Brasileira - Previsões de Crescimento do PIB em 2010

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *