IPCA – Índice poderá aumentar em 2010 e 2011





Termômetro das previsões do mercado financeiro a respeito da economia nacional e informado pelo Banco Central, o Relatório de Mercado Focus, divulgado no último dia 20 de Setembro, antevendo a tendência do aumento da taxa inflacionária medida pelo IPCA, que no indicador IPCA-15 na prévia de Setembro já registrou uma aceleração de preços na ordem de 0,31%, trouxe a análise dos especialistas que acreditam em um aumento do IPCA tanto para este ano quanto para o ano que vem. No relatório anterior a expectativa em relação ao IPCA era de que ele fechasse 2010 em 4,97%. Neste novo relatório esta previsão foi revista para cima. Segundo os analistas o IPCA neste ano deverá chegar a 5,01%. Para o ano que vem a previsão aumentou de 4,90% para 4,95% ao ano, conforme matéria do site G1.

O governo brasileiro trabalha com uma meta de inflação, na qual o Banco Central para atingi-la, necessita ajustar a taxa de juros. Atualmente esta meta de inflação gira em torno de 4,5%, podendo ter um intervalo de tolerância de dois pontos percentuais para cima ou para baixo. Esta flexibilização permite uma variação na taxa sem que a meta seja descumprida. Pelas previsões desta semana do relatório Focus a taxa inflacionária irá se situar acima da meta central, mas ainda dentro do intervalo determinado.




Quanto aos juros a previsão é de que permaneça na faixa de 10,75% ao ano, mas com a tendência de subida da inflação, os economistas acreditam que a política de aumento das taxas de juros para conter o fluxo inflacionário seja mantida e a expectativa é que em Dezembro de 2011 a taxa esteja em 11,75% ao ano.

Por Mauro Câmara


Fonte: G1



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *