Inflação Oficial – Índice aumenta na prévia de Setembro de 2010



Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE – que calcula o IPCA-15 (Índice de Preços ao Consumidor Amplo – 15) a prévia da inflação oficial, com base em preços coletados no período compreendido entre 14 de Agosto e 13 de Setembro, com referência no universo de famílias com rendimento de 1 a 40 salários mínimos e abrangendo as principais regiões metropolitanas do país, este indicador apresentou aceleração inflacionária nesta prévia do mês de Setembro.

A variação positiva ficou na faixa de 0,31%, bem acima do que foi registrado em Agosto (-0,05%). A variação acumulada no ano chegou a 3,53% e a taxa dos últimos doze meses chegou a 4,57%. Todos estes números aumentaram em relação aos cálculos realizados em iguais períodos do ano passado. Por exemplo: em Setembro de 2009 o IPCA-15 havia sido calculado em 0,19%.



O resultado desta prévia de Setembro demonstra uma inversão na tendência que havia se verificado nos últimos dois meses, quando as variações foram negativas (Julho -0,09% e Agosto -0,05%). A grande maioria dos grupos de preços que compõem o cálculo do índice apresentou elevação em relação ao mês passado e o grupo alimentos, que durante algum tempo puxou a inflação para baixo, desta vez foi o responsável pela subida dos preços, pulando de -0,68% no mês de Agosto para 0,30% nesta prévia. E entre os alimentos, a carne, que já vinha apresentando uma tendência de alta, novamente puxou a fila para cima, ficando no geral 3,40% mais cara.

Outros indicadores também apresentaram elevação como o IGP-M, puxado pelos preços no atacado, que subiu 1,03%. Este indicador é usado para o cálculo dos reajustes dos aluguéis. O IGP-10 também teve elevação de 1,12% em Setembro, assim como o IPC-FIPE, que subiu 0,21% na segunda prévia do mês. Talvez indicando uma tendência inflacionária que se explique pela proximidade do final do ano, mas que deve ser mantida sob controle.

Leia também:  Crescimento da Economia Brasileira poderá influenciar os Países Latinoamericanos


Por Mauro Câmara

Fonte: Economia IG

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *