Fundos de Pensão e Previdência Privada podem auxiliar no progresso do Brasil



Com a proximidade da Copa do Mundo de 2014 e dos Jogos Olímpicos de 2016, temas relacionados à infraestrutura ganharam status de prioridade entre os principais presidenciáveis das eleições de outubro. Gargalos nos aeroportos, problemas em portos, estradas e rodovias, bem como questões intrínsecas à segurança, são os temas mais recorrentes, inclusive pela própria população.

Logicamente, os investimentos a cada uma das áreas não devem ser pensados e focados nos dois eventos esportivos. Luciano Coutinho, presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), estima que para a infraestrutura a previdência privada e os fundos de pensão são imprescindíveis para financiamentos de longo prazo no Brasil, seja para garantir alta competitividade da nação como também do próprio desenvolvimento da economia.



Estendendo o assunto a casos mais particulares, Coutinho avaliou durante reportagem emitida pelo Portal de Economia UOL que a previdência privada, singularmente, é importante na vida dos trabalhadores e contribuintes por assegurarem uma renda segura futuramente. Atesta ser esse um componente crucial para o bem-estar da sociedade brasileira. O presidente do BNDES, para desfechar o assunto, defende a ampliação no número de participantes nesses fundos.

Por Luiz Felipe T. Erdei



Leia também:  Crise Econômica no Brasil - Previsões para 2015 e 2016

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *