Economia do Brasil deve superar Europa e EUA, diz FMI


O governo brasileiro, que tem na imagem de Luiz Inácio Lula da Silva, presidente do país, seu principal trunfo, vem conferindo à imprensa nacional e estrangeira informações sobre o crescimento do Brasil, principalmente no que se refere ao Produto Interno Bruto (PIB) e o famigerado desenvolvimento sustentável.


Dominique Strauss-Kahn, diretor-geral do Fundo Monetário Internacional (FMI), afirmou que embora os Estados Unidos e a Europa sejam o foco da economia mundial, o Brasil é a nação que melhor obterá índices positivos nos próximos anos. Segundo ele, os emergentes estão em ascensão.


Por outro lado, Strauss-Kahn adverte que a demasiada entrada de capitais pode acarretar problemas ao país. O economista admite, em contrapartida, que a medida de taxar o ingresso de fundos adotada pela nação é uma fuga a se avaliar positivamente.


Em reportagem divulgada pelo portal de economia Terra, Strauss-Kahn relata, por fim, que a economia global, como um todo, se comportou bem após a crise do biênio 2008-2009, inclusive com investidores aplicando seu capital nos emergentes, entre eles o Brasil.


Confira mais informações aqui.


Outros Conteúdos Interessantes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.