Telebrás é revitalizada e promete gerar competitividade no setor



O Plano Nacional de Banda Larga, conforme divulgado durante toda a semana, encaminha-se à sua reta final de detalhes e convenções entre governo e empresas privadas. A novidade, desta vez, é a reativação da Telebrás, o que, para muitos, poderá estimular a competição entre os envolvidos no segmento.

Cezar Alvarez, coordenador do Programa de Inclusão Digital da Presidência da República, acredita que essa intenção foi uma das principais preocupações do governo brasileiro, visando, sobretudo, levar internet de alta velocidade a toda população do país.



Para ele, que teve discurso relacionado pelo portal de economia UOL, a oferta feita ao atacado para pequenos e médios provedores, atualmente, é altamente custosa e geralmente disponibilizada por apenas uma rede. Segundo Alvarez, a inserção do PNBL em todos os recônditos do Brasil permitirá às pessoas escolher entre o serviço privado e o do governo – aquele com melhor custo benefício.

A Telebrás, ao que tudo indica, aproveitará a rede de fibras óticas já existentes para disponibilizar acesso à rede às empresas que oferecerão seus serviços ao consumidor, residencial ou empresarial.



Para obter mais detalhes sobre as menções de Alvarez, acesse aqui.

Por Luiz Felipe T. Erdei

Leia também:  Ações da Telebras em alta (TELB4)
Próximo Post

Não há mais posts

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *