Ligação da América Latina com a China ajudou na Recuperação Econômica



Um fato indiscutível diz respeito ao bom andamento vivido pelos países da América Latina após o período denominado pós-crise. O Brasil, inclusive, tem angariado bons resultados em relação a nações mais desenvolvidas, tanto que o real apresenta sobrevalorização em relação a moedas como o dólar e o euro.

Augusto de la Torre, economista-chefe do Banco Mundial para a América Latina, avalia que a ligação desse bloco com a China foi um dos pontos-chave para o sucesso da recuperação de cada um, muito além do que especialistas imaginavam. Há uma década, para ele, a presença chinesa era pouco notada; hoje, faz-se presente de maneira ampla.



O país liderado por Luiz Inácio Lula da Silva é aquele que melhor representa o bom momento da América Latina, tanto que o Banco Mundial acredita em crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) de 5,5% para a nação.

Para de la Torre, que teve discurso mencionado pelo portal de economia Terra, o país asiático conseguiu suprir a presença que os Estados Unidos sempre exerceram no âmbito comercial em relação a nações como Brasil e Peru.



Leia mais diretamente no Terra.

Por: Luiz Felipe Erdei

Leia também:  Brasil liderará Recuperação Econômica Mundial, diz NYSE Euronext

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *