Shell pode Demitir 1.000 Trabalhadores em 2010



Conforme veiculado neste espaço desde o começo da semana, a Cosan e a Shell estabeleceram uma parceria voltada ao mercado de biocombustíveis e a inicial pretensão de se tornarem liderança global no segmento de energia limpa. Mesmo assim, a petrolífera acredita que os rumos para 2010 são incertos – como foram no ano passado.

Em 2009, por exemplo, a Shell cortou aproximadamente 5 mil empregados dentro de suas dependências, o que lhe permitiu reduzir custos operacionais em quase US$ 2 bilhões. Para este ano, o número previsto é de mil trabalhadores dispensados e uma redução de, pelo menos, US$ 1 bilhão em despesas.



Em matéria veiculada pelo Portal G1, problemas decorrentes da crise financeira mundial para a Shell fizeram com que ela tomasse medidas drásticas. Um dos entraves encontrados foi a alta nos preços do petróleo, mas que foram levemente equacionados devido aos preços do gás e as margens de refino, que tiveram baque saliente.

Leia mais aqui.



Por Luiz Felipe T. Erdei

Leia também:  Lula Elogia Economia do Brasil Pós Crise Financeira

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *