FMI quer Melhorar Índices de Emprego e Desemprego





Novamente, a crise financeira mundial vem à tona. Desta vez, a menção a ela foi feita por Dominique Strauss-Kahn, diretor-gerente do Fundo Monetário Internacional (FMI). Segundo ele, as lideranças de cada país precisam priorizar a criação de empregos para reduzir o número de pessoas sem trabalho e, consequentemente, a fome.

Sob outro prisma, é perceptível avaliar que Strauss-Kahn almeja melhorar a economia em todo o globo para que uma nova crise não aconteça. O Haiti, que comporta atualmente uma população que quase em sua totalidade não tem onde trabalhar e muito menos o que comer é de grande exemplo, porém, lá funciona diferente, pois o recente desastre (terremoto) é natural, mas com problemas históricos de longa data.




Portanto, segundo reportagem veiculada pelo Yahoo! Notícias com base na agência AFP, o FMI tem por prioridade a melhoria nos índices de emprego e desemprego, independentemente se as medidas a serem adotadas ou as que já estão em curso sejam de curto, médio e longo prazo.

Por Luiz Felipe T. Erdei




Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *