Meirelles ignora revisões nas medidas adotadas para a contenção da crise



Henrique Meirelles, presidente do Banco Central, deixou para trás a possibilidade de a nação brasileira revisar as novas medidas singulares adotadas para enfrentar a tão temida e especulativa crise financeira mundial. Para ele, inúmeros intentos foram admitidos, que mostram, pois, resultados positivos até o momento.

De acordo com Meirelles, dificilmente o BC anuncia medidas futuras, principalmente em liquidez, política monetária e/ou compulsório. Ele lembra, ainda, que diversas posições no mercado estão revertidas porque, por exemplo, atualmente o Brasil adquire dólares, diferentemente do que ocorria, quando os vendia à vista.



E como sua popularidade está em alta, as “eleições 2010” não poderiam passar despercebidas em torno de sua representatividade para o Brasil. Jornalistas questionam, mas Meirelles se esquiva. Para ele, uma decisão definitiva só ocorrerá em março do próximo ano. Vamos aguardar, obviamente!

Por Luiz Felipe T. Erdei



Leia também:  Deputados aprovam candidatura de Uribe para as Eleições 2010 da Colômbia

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *