Ministro da Fazenda, Guido Mantega, exalta poderio econômico do Brasil





Guido Mantega, ministro da Fazenda, declarou que a economia brasileira se desenvolverá em passos mais largos nos meses que compreendem julho a setembro. A estimativa, para ele, é que os números sejam avaliados com segurança, na teoria, entre 2 e 3%.

O progresso de 1,9% do Produto Interno Bruto (PIB), anunciado há pouco pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), é um sinal verde para que especialistas e outros envolvidos no setor presumam um crescimento vertiginoso para a questão econômica nacional.




Mantega exalta as medidas adotadas pelo Governo em relação à crise financeira. Para ele, em momento algum a população deixou de consumir, mesmo que em determinados departamentos, por assim dizer, sejam perceptíveis leves declínios.

Veja também:  Previsão de Inflação e PIB no Brasil em 2019



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *