Manufaturados em baixa devido ao forte impacto da crise econômica de 2008





Com a crise econômica, o Brasil passou a exportar mais produtos básicos, como commodities, por exemplo, que não passam por nenhum processo industrial durante sua fase de produção, tais como metais, petróleo e produtos agrícolas, em detrimento de vender produtos manufaturados, fato que não acontecia desde 1978.

No acumulado de 2009, por exemplo, os produtos básicos representam cerca de 41% do total exportado, contra 40% dos manufaturados, evidenciando o forte impacto da crise econômica de 2008, que afetou fortemente o comércio internacional, fazendo com que tanto o volume quanto o preço dos produtos tipo exportação caíssem em praticamente todo o mundo, fato que não acontecia há 40 anos.




O Brasil foi fortemente atingido, já que grande parte das suas exportações de produtos manufaturados é encaminhada a países da América Latina e aos Estados Unidos, que reduziram fortemente suas importações devido à crise econômica.




Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *