Discipline a sua mente para se tornar um Investidor de muito sucesso





Para se tornar um investidor bem sucedido, antes de mais nada, é necessário disciplinar a mente de tal forma que se possa agir com calma e tranqüilidade, mesmo em momentos difíceis. De nada será útil conhecer várias técnicas de estudo de ações, sem conseguir dominar a ansiedade que muitas vezes é responsável por enormes perdas e até mesmo pela ruína financeira. 

Vejo a importância de citar um pensamento de John Davison Rockefeller, fundador da primeira companhia petrolífera dos Estados Unidos (Standard Oil Company), que mais tarde deu origem a grandes empresas como a Shell, Mobil, Exxon, Chevron, e mais outras 29 empresas no ramo de combustíveis. 




Veja também:  Cheque Especial - Novas Regras e Valores de Tarifas

“The road to happiness lies in two simple principles: find what it is that interests you and that

 you can do well, and when you find it, put your whole soul into it — every bit of energy


 and ambition and natural ability you have.” 

“O caminho para a felicidade recai em dois simples princípios: encontre o que lhe interessa e

aquilo que você faz bem, e quando você encontrar, ponha toda a sua alma nisso – cada

pedacinho de energia, ambição e habilidade natural que você tiver.”

Quando se investe em ações é necessário pensar de uma forma similar e também acreditar firmemente que os seus estudos surtirão o efeito esperado na prática. 

Muitas pessoas consideram a bolsa um tipo de “jogo”, mas tome cuidado para que isso não vire um vício perigoso. Os amadores buscam dinheiro e perdem. Tentam novamente, e perdem ainda mais. Por quê? Porque não sabem jogar. Há dois pontos fundamentais para se evitar a derrota no mercado acionário: disciplina (controle das emoções) e conhecimento (manter-se informado sobre o mercado, realizar estudos técnicos e se orientar pela experiência anterior). 

Se você deseja investir em ações baseado em palpites, sugiro que pare a sua leitura agora, pense em seis números, e compre alguns bilhetes de loteria. 

O seu sucesso ocorrerá naturalmente a partir do momento que considerar essa atividade um empreendimento intelectual sério. Se você usar a emoção ao invés da razão, fatalmente encontrará o fracasso.

O bom investidor é aquele que administra as suas reservas financeiras da mesma forma que um pára-quedista faz a checagem minuciosa de seu equipamento. Se o pára-quedas não abrir, a morte é certa. Se a administração financeira de suas ações é ruim, a falência será uma questão de tempo.



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *