Ações europeias ficam estáveis



  

As ações europeias fecharam estáveis no dia 20 de fevereiro. A confiança nos Estados Unidos era frágil, mesmo após altos índices de manufatura. Já o setor de mineração teve quedas significativas devido aos dados negativos da China.

O índice que reúne os principais papéis da Europa, o FTSEurofirst 300, teve uma 1.338 pontos com oscilação positiva de 0,01%. A manufatura dos EUA acelerou bastante no mês de fevereiro, o que levou investidores na Europa a comprarem ações no fim do dia. Desse modo, as bolsas de Wall Street subiram.

Logo após a China, França e região do meio-atlântico apresentarem dados negativos, a confiança nos EUA permaneceu estável. Os investidores continuaram a divulgar a última reunião do Federal Reserve, onde o Banco Central dos Estados Unidos continua promovendo a redução de estímulos.

Veja também:  Como Consultar Saldo do PIS-PASEP na Internet

Segundo Henk Potts, o estrategista de ações do Barclays Wealth, em uma entrevista a uma agência internacional de notícias, “embora esperemos que a recuperação continue ao longo do ano, o mercado permanece volátil no curto prazo, uma vez que investidores estão nervosos devido à redução do estímulo nos EUA”.





“Os dados do PMI da China foram decepcionantes, mas… os fundamentos de longo prazo da China continuam bons e ainda estamos falando de crescimento de cerca de 7 a 8 por cento ao ano nos próximos cinco anos”, afirma o estrategista. O índice europeu registrou o pior desempenho entre os diversos setores, com perda de 1,1%. Isso aconteceu logo após o índice Gerente de Compras (PMI) da China recuar à mínima em sete meses, sugerindo a contração da manufatura na China.

Veja também:  PIS 2017 - Consultar o Saldo, Quem tem Direito

Em Paris, o índice CAC – 40 teve um acréscimo de 0,33%, para 4.355 pontos. Já em Londres, o índice Financial Times teve uma alta de 0,24%, com 6.812 pontos. Em Milão, o índice Ftse/Miv ganhou 0,07%, com 20,452 pontos. Em Lisboa, o índice PSI20 teve queda de 0,30%, com pontuação de 7.175. Em Madri, o índice Ibex-35 aumentou 0,08%, para 10,062 pontos.

Por Danilo Gonçalves

Ações europeias



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *