Empréstimo consignado – Como funciona



  

Quem está passando por dificuldades financeiras e por mais que já tenha tentado controlar melhor as contas domésticas não tenha conseguido, acaba muitas vezes recorrendo ao empréstimo.

Há diversas modalidades, com os mais variados juros, e por isso, antes de optar por um deles, é indicado que a pessoa se informe muito bem e veja qual é o mais vantajoso para as suas necessidades. Uma boa opção é fazer um empréstimo consignado, que têm taxas de juros mais baixas.

O empréstimo consignado é aquele cujas parcelas são descontadas diretamente do salário. Como o risco da pessoa não pagar a prestação é menor, o juro do empréstimo consignado cai muito.

Empréstimo consignado

Foto: Divulgação





Veja também:  Tesouro Direto - Como Funciona e Como Investir

Para poder optar por ele, é necessário que a pessoa tenha carteira assinada ou se enquadre no grupo de aposentados ou pensionistas do INSS. Os funcionários públicos estaduais, federais ou municipais, também podem usufruir dessa modalidade.

Para fazer a solicitação, é necessário se dirigir a uma agência bancária, preferencialmente a que a pessoa recebe o salário e levar o RG, CPF, comprovante de residência e contracheque. O valor das parcelas varia, mas é de no máximo 30% do valor do salário da pessoa. As taxas de juros são calculadas de acordo com a data de contratação. 

Por Milena Godoy



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *