Banco Central divulga prévia do PIB nacional de 2012



  

O Banco Central divulgou a última avaliação do IBC-Br (Índice de Atividade Econômica) o qual apresentou uma diminuição no PIB (Produto Interno Bruto) do Brasil no valor de 0,52% no comparativo entre agosto e setembro, que foi a maior queda deste padrão no ano de 2012, mas indica também uma alta no 3o trimestre para o PIB de aproximadamente 1,15%.

Este indicador consiste em um estudo que permite obter uma prévia do valor do PIB nacional além de possibilitar a avaliação de estimativas de produção com relação a setores importantes como a indústria, serviços e agropecuária.

A situação apresentada pelo IBC-Br é justificada segundo economistas por situações como o fraco movimento de vendas no ramo do varejo e a diminuição da produção da indústria durante o mês de setembro.

Veja também:  Economia brasileira em 2017

Mas apesar desta queda o sistema econômico tem a expectativa, segundo Carlos Kawall do Banco J. Safra, de que a recuperação do PIB brasileiro se mantenha mesmo que em uma proporção menor do que a esperada; no entanto, existe uma necessidade de recuperar mais fortemente os investimentos nacionais para manter o PIB com indicadores positivos.





Outros dados importantes fornecidos pelas estimativas do IBC-Br mostram a manutenção do crescimento do PIB no mês de outubro além da expectativa de um aumento de 1% para a economia brasileira como um todo no ano de 2012.

Esta melhoria no PIB será devida no final de ano principalmente em decorrência de um aumento das vendas no ramo de varejo com o período de festas além da recuperação da indústria pelo aumento no consumo de carros, produtos eletrônicos através da diminuição de impostos realizada pelo Governo federal.

Veja também:  O que é Inflação e Como Funciona

Fonte: Reuters

Por Ana Camila Neves Morais



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *