Brasil terá investimento de US$ 735 Bilhões até 2013



  

Durante a ditadura militar o Brasil experimentou a sensação de novos investimentos a partir de empresas estrangeiras dentro de seu território. A famigerada abertura econômica propiciou crescimento, mas teve lá seus percalços em meio a um ambiente de incertezas e repressões a grande parte da população esquerdista.

Depois de instituído o término desse período, em 1985, os brasileiros acompanharam a eleição de presidentes escolhidos pelo povo. Depois de 25 anos, a nação governada pelo atual presidente Luiz Inácio Lula da Silva experimenta um novo sentimento, desta vez de perspectivas nunca antes vistas, possibilitando a estimativa de que em poucas décadas o Brasil será a 5ª maior potência mundial. Investimentos, novamente, é a palavra da ordem.

Veja também:  Como Aplicar em Títulos do Tesouro Direto

Miguel Jorge, ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, ponderou na última terça-feira, 29 de junho, durante evento Brasil-Itália edificado pela Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), que o país engendrará investimentos de, aproximadamente, US$ 735 bilhões em construção civil, indústria e infraestrutura até 2013.





De acordo com Jorge em reportagem emitida pelo portal de notícias G1, o montante será dividido em 69% a obras infraestruturais, 35,1% à construção civil e o restante para intentos relacionados à Copa do Mundo e, também, às Olimpíadas de 2016, no Rio de Janeiro.

Para Jorge, esses valores, que tem por base dados levantados pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), ilustram a confiança dos empresários na economia do país.

Veja também:  Como Aplicar no Tesouro Direto

Por Luiz Felipe T. Erdei



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *