Previsão de Crescimento da Economia do Brasil em 2010 deve ser revista



  

O otimismo dos líderes políticos, tais como Luiz Inácio Lula da Silva, presidente do Brasil, Guido Mantega, ministro da Fazenda, e Henrique Meirelles, presidente do Banco Central, reproduzem justamente o ambiente econômico vivido pelo Brasil desde os primeiros indícios de saída da recessão global.

Paulo Bernardo, ministro do Planejamento, afirmou recentemente que o governo brasileiro refará a projeção de desenvolvimento do Produto Interno Bruto (PIB) neste ano. A atual previsão de 5,5%, de acordo com ele, já está ultrapassada para uma provável proeminência de 6%. Outro acontecimento relatado por Bernardo é o fato de a economia brasileira, durante o governo Lula, ter superado a inflação, algo não acontecido em mandatos anteriores.

Veja também:  Causas da Inflação

No princípio desta semana, de acordo com o Canal Executivo do UOL, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) relacionou crescimento da economia do país em 2,7% no primeiro trimestre de 2010 ante os três meses finais do ano passado e 9% em confrontação anual.





Resta saber se o crescimento brasileiro se manterá sustentável. Entidades internacionais, tais como o Fundo Monetário Internacional (FMI), têm alertado para riscos de bolhas econômicas e superaquecimento. Caberá nos últimos dias de Lula diante do planalto e a transição de líderes adotarem medidas cabíveis para o país não ceder às especulações.

Fonte UOL

Por Luiz Felipe T. Erdei



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *