Produção Industrial em abril de 2010



  

A indústria brasileira, segmento capaz de ilustrar ao país sua capacidade de crescimento, apresentou retrocesso de 0,7% em abril em relação a março, de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE). Com isso, as quatro altas seguidas anteriores ao período citado sofreram interrupção, embora em comparação ao mês igual de 2009 o setor tenha configurado alta de 17,4%.

O percentual conquistado é positivo se relacionado às projeções de analistas da Reuters, que aguardavam contração mensal de 1,1%. Segundo o portal de economia Terra, se ponderado o mês de abril ante março, a produção da indústria tem queda em 12 de seus setores, avanço em outros 14 e estabilidade em apenas um. As esferas que mais decepcionaram, grosso modo, foram Bebidas, com queda de 11%, e Celulose & Papel, com arrefecimento de 6,1%.





Devido à crise financeira global, em comparação a abril do ano passado foi constatado crescimento em quase todos os segmentos avaliados, tais como veículos automotores, com avanço de 32,2% e Máquinas & Equipamentos, com alta de 47,8%.

Via Terra.

Por Luiz Felipe T. Erdei



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *